4 Novembro, 2015

A Energia Fantasma desafia os alunos dos Açores

Energia

A Energia Fantasma está de volta com os desafios. Desta vez, os alunos desafiados são os alunos da Região Autónoma dos Açores. Para participar, os alunos deverão construir cartazes com dicas de poupança de eletricidade.

Inscrições até dia 11 de dezembro!

A Energia Fantasma está de volta com os desafios. Desta vez, os alunos desafiados são os alunos da Região Autónoma dos Açores. 

Para este desafio é pedido aos alunos e professores dos Açores que utilizem a sua criatividade e produzam cartazes com dicas de poupança de eletricidade.

O primeiro passo consiste na consulta da apresentação e folheto da Energia Fantasma dirigido à comunidade escolar.

No folheto vão encontrar várias dicas de poupança. Para começar a planear a mensagem do cartaz, os alunos deverão escolher uma das dicas apresentadas.

Com esta dica e utilizando os seus dotes artísticos, os alunos deverão construir um cartaz, fotografá-lo e publicar a fotografia do mesmo no seu Instagram, com a hastag #efazores.

Depois, terão que iniciar a sessão (ou estar logado) no site da Energia Fantasma, para poderem submeter o link da fotografia do Instagram e concorrer.

Se os alunos ainda não pertencem à comunidade online da Energia Fantasma, deverão registar-se primeiro para poder concorrer.

Mais informações sobre o desafio.

Relembramos que a Campanha Energia Fantasma iniciou há exatamente um ano e desde então tem informado os consumidores sobre os consumos stand-by/off-mode e outros desperdícios de energia das nossas casas. Esta é uma campanha financiada pela ERSE e é dirigida aos consumidores de Portugal Continental e Regiões Autónomas.

Com esta campanha a DECO ajuda os consumidores a reduzirem a sua fatura de eletricidade, eliminando os desperdícios de energia relacionados com os consumos de stand-by e off-mode, comportamentos de consumo energético irresponsáveis e a escolha de equipamentos energeticamente menos eficientes. As equipas regionais da DECO têm realizado sessões informativas para escolas e comunidade sobre os desperdícios de energia nas nossas casas.

Apresentação1